COMPROMETIMENTO DOS PODERES

As políticas de combate às drogas devem ser focadas em três objetivos específicos: preventivo (educação e comportamento); de tratamento e assistência das dependências (saúde pública) e de contenção (policial e judicial). Para aplicar estas políticas, defendemos campanhas educativas, políticas de prevenção, criação de Centros de Tratamento e Assistência da Dependência Química, e a integração dos aparatos de contenção e judiciais. A instalação de Conselhos Municipais de Entorpecentes estruturados em três comissões independentes (prevenção, tratamento e contenção) pode facilitar as unidades federativas na aplicação de políticas defensivas e de contenção ao consumo de tráfico de drogas.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

ECSTASY E KETAMINA EM FESTA RAVE

ZERO HORA 03 de dezembro de 2012 | N° 17272

PORTO ALEGRE. Ação inibe tráfico em festa

Uma ação conjunta da 2ª DP de São Leopoldo e 1ª DP de Novo Hamburgo acabou com a festa de traficantes que agiam em uma rave no bairro Floresta, na zona norte de Porto Alegre, na madrugada de sábado. Conforme a investigação, coordenada pelo delegado Adriano Nonnenmacher, os traficantes vendiam ecstasy e ketamina. O material foi apreendido.

Apenas nos primeiros minutos da festa, quando os agentes os flagraram, os traficantes já haviam movimentado R$ 600. Os dois homens estavam sendo monitorados já no apartamento que dividiam no centro de São Leopoldo.

– Eles mantinham diversas formas para vender a droga. Por vezes, abordavam diretamente o usuário, mas também vendiam drogas sintéticas em casa ou por encomenda, com mensagens por telefone. Eles ainda distribuíam drogas a traficantes menores – explicou o delegado.

O que chamou a atenção dos investigadores foram os códigos usados pelo grupo nas redes sociais nos dias que antecediam as festas eletrônicas. Para anunciar a droga, avisavam: “Vou levar bombom na festa”, ou ainda “a minha bomboniére está cheia”, ou “tem doce hoje na festa”.


PAROBÉ - Droga em carro

O Comando Rodoviário apreendeu, no sábado, 50 quilos de maconha em Parobé, no Vale do Paranhana. Uma barreira havia sido montada a partir de uma investigação da Polícia Civil. A droga foi encontrada em um Uno com placas de Teutônia. O suspeito no outro carro, um modelo 206, tentou fugir, mas foi interceptado. Três pessoas foram presas.