COMPROMETIMENTO DOS PODERES

As políticas de combate às drogas devem ser focadas em três objetivos específicos: preventivo (educação e comportamento); de tratamento e assistência das dependências (saúde pública) e de contenção (policial e judicial). Para aplicar estas políticas, defendemos campanhas educativas, políticas de prevenção, criação de Centros de Tratamento e Assistência da Dependência Química, e a integração dos aparatos de contenção e judiciais. A instalação de Conselhos Municipais de Entorpecentes estruturados em três comissões independentes (prevenção, tratamento e contenção) pode facilitar as unidades federativas na aplicação de políticas defensivas e de contenção ao consumo de tráfico de drogas.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

IMPUNIDADE - TRAFICANTE SUSPEITO EM SEIS HOMICÍDIOS PODE TER ESTUPRADO REFÉM.

Operação prende traficante suspeito de estuprar jovem em NH. Mulher de 21 anos foi entregue como pagamento de dívida de droga - ZERO HORA E DIÁRIO GAÚCHO - 08/08/2011às 08h35min

Uma operação conjunta da Policia Civil com a Brigada Militar prendeu na manhã desta segunda-feira o traficante suspeito de estuprar uma jovem de 21 anos na última sexta-feira em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos. Suspeito de 6 homicídios, criminoso conhecido como "Jundiá" teria sido o autor do estupro da jovem.

A operação, que deve cumprir dois mandados de prisão e oito de busca e apreensão no bairro Canudos busca esclarecer o caso da jovem que foi entregue a traficantes como pagamento de uma dívida do irmão.

Na sexta-feira, o pai da jovem teria recebido uma ligação avisando que a filha havia sido sequestrada e exigindo o pagamento de R$ 600 para libertá-la. Para tanto, deveria entregar o dinheiro no viaduto da ERS-239 sobre a Avenida Engenheiro Jorge Schury, no Bairro São José, em Novo Hamburgo. Após fazer o pagamento e receber a filha de volta, o homem chamou a Brigada Militar.

Aos PMs, a vítima contou ter ficado em poder de dois homens por cerca de uma hora e 30 minutos, período em que foi violentada. De acordo com a polícia, ela recebeu atendimento médico e, levada à delegacia, reconheceu dois homens como sendo os indivíduos que a sequestraram e estupraram.

Segundo o tenente-coronel Carlos Armindo Thomé Marques, que responde pelo Comando Regional de Policiamento Ostensivo do Vale do Sinos, o irmão da jovem é usuário de drogas e estaria devendo a traficantes. Por isso a teria atraído até o local onde a dupla a sequestrou.